Sampaio acusa Jalser de usar servidores e policiais da ALERR para espionar sua vida

O clima voltou a ficar tenso entre os deputados Soldado Sampaio (PC do B) líder do governo na Assembleia Legislativa, e Jalser Renier, presidente da Casa. O motivo foi o pronunciamento feito nesta terça-feira (3 de novembro) por Sampaio, acusando Jalser de fazer o que chamou de “arapongagem” para espionar sua vida.

De acordo com Sampaio, o presidente da Assembleia Legislativa tem usado de servidores e policiais lotados no Poder Legislativo para espioná-lo. O parlamentar disse que levou o assunto à Secretaria Estadual de Segurança Pública (SESP) e para a Polícia Federal.

O pronunciamento do líder do governo fez a temperatura subir na Assembleia Legislativa. Curiosamente, o site da Assembleia Legislativa e a página do poder no Facebook não registram nada sobre o assunto. Nem mesmo uma resposta do Jalser sobre a acusação feita por Sampaio foi publicada.

Ouça o áudio com um trecho do discurso do deputado Soldado Sampaio:

Soldado Sampaio acusou o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Jalser Renier, de usar servidores e policiais da Assembleia Legislativa para espionar sua vida