Denarium é o primeiro governador do país a seguir Bolsonaro no Aliança pelo Brasil

O governador de Roraima, Antônio Denarium, é o primeiro do Brasil eleito pelo PSL a deixar o partido para seguir o presidente Jair Bolsonaro na fundação do Aliança Pelo Brasil. O anúncio foi feito pelo próprio Denarium, num vídeo postado em sua página no Facebook, direto da primeira convenção da nova sigla, realizada nesta quinta-feira, em Brasília.

“Olá amigos de Roraima, estamos em Brasília para a primeira convenção do partido Aliança pelo Brasil. É o Estado de Roraima e o Brasil mudando junto com o presidente Jair Bolsonaro”, disse o governador de Roraima.

De acordo com o presidente Jair Bolsonaro, número do Aliança pelo Brasil será 38. O anúncio foi feito durante sua live semanal transmitida no Facebook. Bolsonaro admitiu que, caso o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não autorize a coleta de assinaturas por meio eletrônico, o partido não estará apto a disputar as eleições do ano que vem.

“Por ocasião das eleições do ano que vem, acredito que nós podemos ter o partido funcionando, desde que as assinaturas sejam de forma eletrônica. Caso contrário, nós só poderemos estar em condições de disputar as eleições, aquelas de 2022”, disse.

Para ser homologado e poder disputar as eleições, o Aliança pelo Brasil depende da coleta de cerca de 500 mil assinaturas em pelo menos nove estados. O prazo para que o partido seja registrado no TSE a tempo de disputar as eleições municipais de 2020 termina em março.

Da Redação do blog, com informações da Agência Brasil