ESTÁ CHEGANDO A HORA DECISIVA

Domingo é dia de decidirmos quem governará o país pelos próximos quatro anos, se Lula ou Alckmin. Nas rodas de jornalistas por onde passei hoje a discussão está acirrada e as opiniões divididas. Os que votaram em Lula em 2002 choram a decepção e dizem que agora vão experimentar um vôo nas asas dos tucanos. Outros, como eu, mais reticentes, alegam que como não há muita diferença entre o governo do PT e o que fizera o PSDB nos oitos anos de “el rei” FHC o jeito é lulalá mais uma vez. A verdade é que não temos opção nenhuma. Então, como não costumo retroceder um passo na vida, vou pelo menos ficar com os pés postos no presente. Cada um que vote em quem lhe convier. O meu único desejo é que o brasileiro acorde do transe e passe a exercer a cidadania, cobrando dos seus representantes em todas as esferas de poder uma postura digna e séria para com o destino da nação. Todo homem é um ser político. E abrir mão dessa condição é se sujeitar a ser governado por vermes inescrupulosos. Afinal, o Brasil é maior que Lula e Alckmin. O Brasil somos nós.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.