AMIGOS DA ONÇA

O presidente Lula não precisa de inimigos com os “amigos” que tem dentro do PT. O desastrado caso do “dossiê dos sanguessugas” foi o chute nos testículos que faltava ao candidato pestista para que derrapasse na reta final da campanha. Com a reeleição assegurada já no primeiro turno, até a penúltima semana antes do pleito, de acordo com as pesquisas de inenção de voto, os “amigos” da onça trataram de bagunçar o coreto e jogar Lula na cova dos leões da oposição. Agora, o presidente metalúrgico terá que suar muito a camisa, se não quiser perder a parada para o tucano Geraldo Alckmin.

Na entrevista concedida à revista paulista Caros Amigos, edição de setembro, o jornalista Franklin Martins disse, numa espécie de premonição, que já se tinha ouvido tudo em relação à Lula e que que este só perderia a eleição [conslusão minha, mas que está implícita na resposta que o jornalista deu à revista] “a menos que seja [surja] alguma coisa muito nova e muito, vamos dizer, arrasa-quarteirão e não tenha explicação…”. Franklin continuou: “O problema é o seguinte: mal ou bem, por que o Lula está na frente? Porque o povão estã vivendo melhor hoje do que antes. É isso, certo ou errado”.

E a tal ocorrência “arrasa-quarteirão” foi produzida pelos próprios petistas: o dossiê que provocou o segundo turno. Agora, acertadamente, o presidente candidato à reeleição culpa o PT pela barbeiragem e se diz magoado profundamente. “Estou com a alma machucada e temos de resolver isso para iniciar a campanha do segundo turno. Não é possível que a gente continue convivendo com tanta crise sem fazer nada. Agora, é preciso tocar a vida para a frente”, disse.

Se Lula perder a eleição no segundo turno, o PT está dando uma triste comprovação de que nunca esteve preparado para chegar ao poder central da República. A constatação que fica é a mais melancólica possível: a de que a incompetência e a bandalheira institucionalizada estão vencendo a esperança, que havia vencido o medo.

Anúncios

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.